PUBLICIDADE
Actualidade

Direito de manifestação deve ser encarado com serenidade -- Presidente da República

21 | 11 | 2019   13.17H

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, defendeu hoje, questionado sobre a manifestação de profissionais da PSP e da GNR, que esse é "um direito legítimo dos portugueses", que "deve ser encarado com serenidade".

Questionado se considera legítimas as reivindicações dos polícias, o chefe de Estado respondeu: "Eu já tive ocasião no meu discurso de posse deste Governo que é um ponto para que tem de se olhar nesta legislatura, o estatuto das Forças Armadas e o estatuto das forças de segurança. Já disse isso".

Marcelo Rebelo de Sousa foi questionado pelos jornalistas sobre a manifestação de hoje convocada por associações de profissionais da PSP e da GNR enquanto visitava a feira de solidariedade Rastrillo, no Centro de Congressos de Lisboa.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE