PUBLICIDADE
Actualidade

Fim das licenças de jogo em Macau é negativa para o 'rating' dos operadores - S&P

21 | 11 | 2019   13.19H

A agência de 'rating' Standard & Poor's considerou hoje que o final das concessões de jogo em Macau, em 2022, constitui um ponto negativo para a análise da qualidade de crédito dos operadores locais.

"Vemos o final das concessões de jogo, em 2022, como um risco de crédito", escrevem os analistas numa nota sobre o mercado mundial do jogo, enviada aos investidores, e a que a Lusa teve acesso.

"Apesar de esperarmos que os atuais operadores estendam as concessões, é provável que isso tenha um custo e os termos de renovação por parte do Governo não são ainda claros", argumentam, acrescentando que "provavelmente os termos vão incluir uma conjugação de preocupações sociais e económicas".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE