PUBLICIDADE
Actualidade

Inflação na China cresce acima dos 4% devido a surto de peste suína

10 | 12 | 2019   04.33H

A inflação na China cresceu, em novembro, pela primeira vez acima dos 4% desde 2011, impulsionada pela carne de porco, devido a um surto de peste suína que se alastrou por todo o país.

O índice de preços ao consumidor (IPC) da China, o principal indicador da inflação, registou um crescimento homólogo de 4,5%, em novembro, acima da meta definida pelas autoridades e sete décimas a mais do registado no mês anterior.

Trata-se da primeira vez que o IPC chinês regista uma subida homóloga acima de 4%, desde 2011.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE