PUBLICIDADE
Actualidade

Economist prevê recessão em Macau de 5,5% este ano e 3,3% em 2020 (REPETIÇÃO)

12 | 12 | 2019   09.16H

O analista da consultora Economic Intelligence Unit (EIU) que segue a economia de Macau previu hoje à Lusa que o território enfrenta uma recessão neste e no próximo ano, regressando ao crescimento em 2021, com 2,9%.

"Prevemos que a economia fique em recessão neste e no próximo ano, principalmente como resultado do abrandamento económico na China, que vai pesar no fluxo de turismo e na despesa feita no jogo em Macau, o que faz com que o PIB caia 5,9% este ano", disse Nick Marro.

Em entrevista à Lusa, o analista da unidade de análise da revista britânica The Economist diz esperar que a economia macaense "abrande a recessão para 3,3% em 2020, num contexto de recuperação das receitas do jogo e do investimento, e da previsão de um acordo entre os Estados Unidos e a China nesse ano".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE