PUBLICIDADE
Actualidade

Ministro da Defesa de Moçambique acusa a Renamo de violar o acordo de paz

12 | 12 | 2019   14.16H

O ministro da Defesa de Moçambique acusou hoje a Renamo de violar o Acordo de Paz e Reconciliação Nacional, assinado em agosto, considerando que os elementos que estão a protagonizar ataques no centro país são do principal partido de oposição.

"[A Renamo] não está a honrar com os acordos assinados porque os elementos que estão a protagonizar os ataques praticamente são da Renamo", disse Atanásio Mtumuke, falando momentos antes de dirigir uma cerimónia de encerramento de um curso militar na capital moçambicana.

Em causa estão os ataques que têm sido registados nas províncias de Manica e Sofala, nos dois dos principais corredores rodoviários do país, a EN1, que liga o Norte ao Sul do país, e a EN6, que liga o porto da cidade da Beira ao Zimbábue e restantes países do interior da África Austral.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE