PUBLICIDADE
Actualidade

Arábia Saudita atinge "novo recorde" de execuções em 2019 - ONG

21 | 01 | 2020   14.16H

A Arábia Saudita atingiu em 2019 "um novo recorde" de execuções, tendo aplicado a pena de morte a 185 presos, indicou hoje a Organização Europeia Saudita para os Direitos Humanos (ESOHR na sigla em inglês).

No seu relatório anual sobre a situação no reino, a organização explica que, até agora, 2015 registava o número mais alto de execuções, com 157 prisioneiros alvo da pena capital.

Em 2018 foram executadas 149 pessoas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE