PUBLICIDADE
Luanda Leaks

Banco de Cabo Verde está a inspecionar BIC-CV há mais de um ano

22 | 01 | 2020   20.27H

O Banco de Cabo Verde (BCV) anunciou hoje que vai retirar "as devidas consequências" da inspeção em curso desde finais de 2018 ao banco BIC Cabo Verde (BIC-CV), participado pela empresária angolana Isabel dos Santos.

A posição consta de um comunicado do banco central cabo-verdiano na sequência da informação veiculada no âmbito da investigação do Consórcio Internacional de Jornalismo de Investigação (ICIJ), processo conhecido como 'Luanda Leaks', que aponta o BIC-CV como utilizado pela empresária em contratos com origem na China de proveniência duvidosa.

"O BCV vem acompanhando o Banco BIC Cabo Verde, desde a sua criação até à presente data, tendo a última inspeção sido feita em finais de 2018, a qual incidiu sobre o cumprimento das normas respeitantes à prevenção de lavagem de capitais e combate ao financiamento do terrorismo, processo inspetivo esse que corre ainda trâmites", lê-se no comunicado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE