PUBLICIDADE
Actualidade

Penas suspensas para dois adeptos do Benfica acusados de desacatos nos Açores

24 | 01 | 2020   16.31H

O Tribunal Judicial de Ponta Delgada condenou hoje a penas de prisão suspensas os dois adeptos do Benfica acusados de desacatos em 12 de janeiro de 2019, na condição de não frequentarem estádios de futebol.

Os desacatos ocorreram na noite de 11 para 12 de janeiro do ano passado, altura em que os dois arguidos estavam na ilha de São Miguel, nos Açores, onde se deslocaram para assistir ao jogo entre o Santa Clara e o Benfica.

Na leitura do acórdão, o coletivo de juízes deu como provados os factos da acusação, condenando um dos arguidos a quatro anos e seis meses de prisão, pena suspensa na sua execução, pelos crimes de ofensa à integridade física qualifica e de resistência e coação sobre funcionário.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • "justiça" e com cor. Mas que se há-de fazer. Na próxima vão vestidos de melancia, verdes por fora e Vermelhos por dentro, que é o que conta, mais difícil vai ser por causa do azul, não estou a assim a ver que fruta pode ser, a não ser a que está estragada.
    Dono dos Burros | 24.01.2020 | 17.25Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE