PUBLICIDADE
CDS/Congresso

Lobo d'Ávila diz ser "o único" candidato capaz de unir o partido e mantém moção

25 | 01 | 2020   21.22H

O candidato à liderança do CDS-PP Filipe Lobo d'Ávila defendeu hoje ser "o único" capaz de contribuir para a união do partido, rejeitou manipular os congressistas e salientou que vai levar a sua moção a votos.

"Contam comigo para o partido, não contam comigo para fações, nem contam comigo para nenhuma barricada", afirmou o candidato na intervenção de encerramento do debate das moções de estratégia global.

Lobo d'Ávila considerou igualmente ser "o único que consegue fazer pontes com aqueles que são os outros dois candidatos", Francisco Rodrigues dos Santos e João Almeida, e o único "capaz de contribuir para a união deste partido".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE