PUBLICIDADE
Actualidade

Obras de arte da Coleção BPN vão ficar na Baixa de Coimbra

27 | 01 | 2020   18.26H

A Coleção BPN, adquirida pelo Estado, ficará em Coimbra, "onde se criará um novo polo de arte contemporânea portuguesa", num edifício adquirido pela Câmara, na Baixa da cidade, junto ao Arco de Almedina.

As perto de duas centenas de obras que compõem a coleção ficarão onde funcionou o antigo Banco Pinto e Sotto Mayor, que foi adquirido pelo município há cerca de quatro anos, disse hoje o presidente da Câmara de Coimbra, o socialista Manuel Machado, que falava aos jornalistas à margem da sessão quinzenal do executivo.

A coleção ficará instalada nos três pisos superiores do edifício, contíguo ao Arco de Almedina, com acesso pela rua que deve o nome à torre medieval, já que o rés-do-chão (onde atualmente funciona um estabelecimento comercial), com acesso pela rua Ferreira Borges, não foi adquirido pela autarquia.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE