PUBLICIDADE
Vírus

Impacto na atividade das agências de viagens "pouco significativo" -- APAVT

29 | 01 | 2020   17.17H

O presidente da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo disse hoje que o impacto do novo coronavírus na atividade do setor é ainda "pouco significativo", até porque a China não é um grande destino de férias dos portugueses.

"Nas viagens, os danos ainda são pouco significativos porque, em primeiro lugar, o vírus está relativamente circunscrito, pelo menos por enquanto, e por outro lado a China não é ainda um destino turístico de primeira importância para o mercado emissor português, nem a época é uma em que os portugueses viajem de forma mais significativa", indicou Pedro Costa Ferreira, que lidera a Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), à Lusa.

O presidente do organismo reconheceu, no entanto, que há cancelamento de viagens para a China, "quer empresariais, quer de feiras profissionais ou grupos organizados de lazer".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE