PUBLICIDADE
Actualidade

Artista Mónica de Miranda doou a Lisboa centenas de imagens do projeto "Pós-Arquivo"

16 | 02 | 2020   09.33H

A exposição "Contos de Lisboa", da artista visual Mónica de Miranda, marca a doação de 239 imagens em bruto do projeto "Pós-Arquivo" ao Arquivo Municipal Fotográfico de Lisboa, onde a mostra estará patente a partir de quarta-feira.

"Pós-Arquivo" é um projeto de pesquisa que "reflete questões de identidade, memória, diáspora e história em relação aos movimentos migratórios atuais e às paisagens urbanas da Europa ligadas a descolonização e aos movimentos de independência de África", e que Mónica de Miranda, portuguesa de origem angolana, iniciou em 2009, quando se mudou para Lisboa, depois de 15 anos a viver em Londres.

Em construção e disponível 'online', em www.postarchive.org, o "'Pós-Arquivo" reúne fotografias, documentos, áudios e vídeos que tem recolhido em bairros de génese ilegal da periferia de Lisboa.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE