PUBLICIDADE
Covid-19

Obediência de Macau contrasta com a de Hong Kong, sociedade está unida -- investigadora

17 | 02 | 2020   04.26H

A antropóloga Loretta Lou disse à Lusa que "a atitude obediente" da população de Macau ficou expressa quando acatou o apelo para ficar em casa para combater o surto, o que contrasta com "a rebelião" de Hong Kong.

"Sendo elogiada como a 'boa criança' das duas regiões administrativas especiais, a atitude obediente dos cidadãos de Macau contrasta fortemente com a rebelião de Hong Kong", concluiu a investigadora da Universidade de Macau, especializada em meio ambiente, bem-estar, movimentos sociais, moralidade e ética.

Afinal, "quando o novo chefe do Executivo de Macau, Ho Iat Seng, instou a população de Macau a ficar em casa para ajudar a conter o vírus, a maioria das pessoas seguiu o exemplo".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE