PUBLICIDADE
Actualidade

Parlamento cabo-verdiano aprova lei que dá um ano para acabar com bancos 'offshore'

21 | 02 | 2020   20.53H

O parlamento cabo-verdiano aprovou hoje, por unanimidade, a legislação que vai levar ao encerramento, dentro de um ano, dos bancos com autorização restrita, apenas para clientes não residentes e considerados 'offshore', que não se adequem aos novos requisitos.

A proposta de lei que revoga o Regime Jurídico das Instituições de Crédito de Autorização Restrita, aprovada em 11 de dezembro pelo Governo, mereceu hoje o voto favorável dos 63 deputados presentes na Assembleia Nacional.

Na votação final, a proposta foi aprovada por 36 eleitos do Movimento para a Democracia (MpD), 25 do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), e dois da União Caboverdiana Independente e Democrática (UCID), com todas as bancadas a sublinhar a importância da lei para o reforço da imagem de transparência do país para o exterior.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE