PUBLICIDADE
Covid-19

Frederico Varandas foi notificado a regressar ao Exército

23 | 03 | 2020   17.49H

Frederico Varandas, médico presidente do Sporting, foi um dos militares na reserva notificado para voltar ao serviço devido à pandemia de covid-19, confirmou hoje à Lusa o Ministério da Defesa.

Esta informação não coincide com o que o presidente leonino afirmou, através do Instagram, na quinta-feira, onde escreveu estar disponível para voltar a "servir" Portugal enquanto vigorar o estado de emergência.

Numa nota enviada hoje à Lusa, o ministério esclareceu que "o capitão Frederico Varandas detinha licença especial para efeitos eleitorais", de acordo com a Lei de Defesa Nacional e que permite a um militar concorrer a eleições.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Uma licença um pouco manhosa. Mas ninguém vai investigar. NÃO TEMOS JORNALISMO em Portugal. Eleições? A que eleições é que ele concorreu e para que cargo foi eleito? Vereador do lixo da freguesia do Lumiar? Enfim!
    Dono dos Burros | 23.03.2020 | 18.31Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE