PUBLICIDADE
Covid-19

Ministra da justiça remete decisão sobre libertação de presos para a próxima semana

29 | 03 | 2020   21.47H

A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, remeteu para a próxima semana a tomada de posição sobre a libertação de reclusos mais vulneráveis, bem como a realização de testes aos guardas prisionais.

"O Governo está neste momento a avaliar a situação, sobretudo ao nível da recomendação das Nações Unidas, para a libertação imediata de alguns reclusos mais vulneráveis" e, segundo a ministra Francisca Van Dunem, tomará uma opção na próxima semana quando for feita a "avaliação da execução das medidas do Estado de Emergência".

Numa entrevista à SIC, a ministra afirmou que o Governo está a avaliar critérios que "são importantes considerar", como "a natureza dos crimes praticados", sustentando que "independentemente da condição de saúde há certos tipos de crime que exigem alguma atenção particular".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Iranianos e sírios, como são governos independentes, puderam decidir, sem ter que consultar os seus amos em Bruxelas, Berlim e Washington. Se a perigosidade é assim tão elevada como nos dizem, se o espezinhamento dos direitos fundamentais consagrados na CRP, já teve início por parte dos do costume (polícias, que nesta terra andam sempre sem trela, nem freio) em nome dessa hipotética perigosidade, tomar decisões, é o que se exige ao Governo. Apesar de vir de onde vem (MP), tenho uma boa ideia de si e do seu trabalho, gostaria que decidisse, mas compreendo que o presidente do conselho de ministros, tenham que prestar as costumeiras vassalagens a quem dele, não quer saber para nada.
    Dono dos Burros | 30.03.2020 | 00.41Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE