PUBLICIDADE
Covid-19

Líder do PSD considera "quase impossível" não prolongar estado de emergência

29 | 03 | 2020   22.50H

O presidente do PSD considerou hoje "quase impossível" não prolongar o estado de emergência para combater a pandemia da covid-19 e afirmou que a maior falha até agora relacionou-se com a desproteção dos profissionais de saúde.

Estas posições foram transmitidas por Rui Rio em entrevista à RTP, conduzida pelo jornalista Carlos Daniel e que durou cerca de 35 minutos, durante a qual defendeu a tese de que este não é o momento para se fazer um balanço sobre a adequação das medidas tomadas pelo Governo no combate à pandemia da covid-19, embora também frisando que esse balanço político far-se-á inevitavelmente mais tarde, já com o país "em paz".

Questionado se entende que o Governo deveria reduzir as medidas de restrição para permitir uma maior atividade económica no país, o líder social-democrata recusou esse caminho.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE