PUBLICIDADE
Covid-19

Ministro da Economia admite nacionalizações para assegurar "atividades estratégicas"

31 | 03 | 2020   12.17H

O ministro da Economia considera "muito difícil" que a TAP "mantenha todos os postos de trabalho funcionais" na atual conjuntura, mas garante que o Estado assegurará, nesta e noutras empresas estratégicas, "a preservação do valor" que representam para o país.

"Nós queremos preservar a continuidade do país e das atividades que sejam estratégicas. Seguramente vamos divergir, em comunidade, sobre o que são atividades estratégicas e quais são as empresas importantes, mas o Estado português tem ferramentas para nacionalizar empresas e usá-las-á se achar conveniente", assegurou hoje Pedro Siza Vieira em entrevista à rádio TSF, quando questionado sobre se admitia a hipótese de o Estado português vir a avançar para nacionalizações na sequência da crise gerada pela pandemia de covid-19.

Interrogado sobre se a TAP poderá ser um destes casos, se a crise provocada pela pandemia deixar a companhia numa situação financeira insustentável, o ministro garantiu que "o Estado não deixará, como sócio da TAP e tendo em conta a natureza estratégia da companhia, de assegurar a preservação do valor que ela representa a longo prazo para o país".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

16 comentários

  • 345 mortos devido ao 'vírus', nada que nos deva preocupar. Se não nos preocupamos, nem paramos o país, nem obrigamos os portugueses a ingressarem na pobreza, se não destruímos a economia com as 312 mortes devido à SIDA em 2018. E se ainda estamos longe das 508 mortes devido a acidentes de viação em 2018. Números da PORDATA. Por o havemos de fazer agora? Porque nos disseram que o 'vírus' é muito perigoso? É? Interessante. E qual é a diferença entre o veneno e o remédio? Se não sabem, digo-vos. É a dose. Vamos morrer, porque a dose de remédio que nos deram é letal? Escusam de dizer que se não tomassem medidas seria muito pior. Seria? Quem nos dizia a meio de Fevereiro que estava tudo debaixo de controlo, agora, deveria fazer harakiri. É o mínimo que podem fazer para salvarem a face conspurcada. Quanto ao rebanho, irá para onde o mandarem ir. Pensam estes carneiros e burros que são livres.
    Dono dos Burros | 07.04.2020 | 12.34Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Deixem-se de chinesices e chineses.
    Os ventos da desgraça | 07.04.2020 | 04.54Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • O ocupante do Palácio dos Braganças em Belém, disse-se o garante da verdade e não sei se da transparência também, mas ter dito isto ou nada, teria sido o mesmo. Números, que eles são como o algodão, não enganam. Podem achar que sou um manipulador refinado, um mentiroso encartado. Não sou político. Uso os dados da PORDATA. Morreram em Portugal durante o ano de 2018, 113 051 residentes, dando uma média mensal de 9 421. Nos dados publicados pela nova DGS, morreram 311 até ao momento devido ao 'vírus'. Quantos é que morreram até ao momento, por outras causas que não o 'vírus'? Estamos acima? abaixo da média? Quanto? Por que faixas etárias se distribuem os mortos pelo 'vírus'? distribuem-se segundo a normal de Gauss? Faltam dados e muitos à Verdade e à Transparência. O ocupante do Palácio dos Braganças em Belém, não garante nada. Nem sequer a Constituição que 'jurou' defender, garantiu. Nada que espante, já que o mesmo aconteceu com os militares-fura-greves, em relação à Independência Nacional que juraram defender mesmo com o risco da própria vida. Aqui o "comandante-supremo" foi mais cauto e não o prometeu. Ao primeiro sinal de borrasca para os lados do Bugio, entrou em ocultação de luzes e silêncio rádio e assim tem navegado.
    Dono dos Burros | 06.04.2020 | 15.24Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Também admito que alguma zaragatoas possam vir infetadas. Dão ou vendem com uma mão e tiram com outra É evidente que este vírus veio em força para matar o ser humano e a despistagem e o o isolamento era absolutamente necessário demonstrada a sua perigosidade e contagiosidade. A morte invisível deu mostras de aterrorizar e não ter contemplações. Cada morte foi uma vitória e já caíram uns tantos. Preparou-se meios de ataque e tiveram que se utilizar os meios capazes de os destruir. Isto é muito estranho na forma como o risco de contagem se faz , porque se tudo é preciso ser desinfetado algo mais está para além disto. Quando o PR diz ingenuamente que quando vai às compras usa máscara ,porque os netos lhe explicaram como é o que fazem na china. Devia dizer que lá a poluição é tanta pela falta de respeito dos valores ambientais o que é gravíssimo e que todos são obrigados a usar máscara se não morriam intoxicados. Exemplos da crueldade e ditadura dispensamos.
    Aquilo que não queríamos | 06.04.2020 | 13.54Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Morreram de sida, 312 em Portugal no ano de 218. O que fizeram TODOS os políticos? Pararam Portugal? Decretaram o fim da "democracia", que já não existia? Decretaram a prisão-domiciliária a todos os Portugueses? Deram plenos poderes à escória policial? Que fizeram todos os políticos com assento na AR e os governantes? NADA!
    Dono dos Burros | 06.04.2020 | 12.15Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Só os atrasados mentais confiam nestas zaragatoas para fazerem os testes. Nunca deixaria meter uma merda daquelas na minha boca para me ser LANÇADO O VIRUS, nunca; acredito que nem todas venha como VIRUS pois daria nas vistas e quase acredito que é nos lares que estão a usa-las e claro, lá são infetados os pobres dos velhos que contaminam os pobres funcionários que dado serem gente jovem têm possibilidade de se safarem ao contrario dos velhos. TENHO PENA DO 1º. MINISTRO INGLÊS QUE CHEGOU PARA ESTA MÁFIA DO PARLAMENTO EUROPEU.
    PORRA QUE ME QUEREM MATAR- BANDIDOS | 06.04.2020 | 11.37Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Depois de o vírus estar a decorrer na e ninguém saber deu uma explicação demasiado simplista e primitiva. Um país sem escrúpulos e que se julga intocável. O que é certo é que fomos atingidos de forma implacável que nos mata e dá cabo do emprego e da economia e muito mais coisas. Muitos gastos e muitas incertezas desnecessárias. Este vírus foi fabricado e não se sabe quando poderia ser lançado de avião ou outro meio qualquer. Foi uma experiência? Foi um descuido? Foi propositado ? O caso mais ridículo é que eles mandam o vírus , ilibam-se do caso e nós vê-mo-nos a braços para conter a pandemia. Nós abrimos-lhes as potras e eles mandam-nos-vírus.
    O fator in certeza continua | 05.04.2020 | 20.07Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Pois é ó Dono dos Burros, isto é a maior SACANICE POLITICA do Século e do Milénio. Este VIRUS foi mandado fabricar para ser eliminada uma grande parte da população mundial, sobretudo a IDOSA, deficientes e outros doentes e PARA SER MAIS UMA VEZ DADA OPORTUNIDADE AO GRANDE CAPITAL, AOS EMPRESARIOS , para se verem livres de TRABALHADORES sem qualquer indemnização E ( ! ) ainda lhes ser DADO DINHEIRINHO DOS NOSSOS IMPOSTOS ! Infelizmente e o mais VERGONHOSO é que isto só acontece com esta ESQUERDA MAFIOSA; esta ESQUERDA privatiza quando as empresas estão gordas e NACIONALIZA quando estão em situações mais difíceis, voltando a PRIVATIZA-LAS quando voltam a engordar, é este o MÉTODO destes CORRUPTOS, CHULOS e PARASITAS que nos andam há mais de QUARENTA ANOS a roubar . VOLTA GRANDE SALAZAR, QUE TANTA FALTA AQUI FAZES .
    salazarista | 05.04.2020 | 14.19Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • 287 mortes, foi o número de crianças com idade inferior a 1 ano, que morreram em Portugal em 2018. 296 mortos devido ao 'vírus' ultrapassa ligeiramente aquele número. Parou o país perante aquele drama que atingiu as famílias? NÃO, não parou. Foi destruída a economia, foi retirado rendimento às pessoas? NÃO, não foi. Então porque carga de água há-de ser agora? Porque é que só alguns é que estão a trabalhar? Porque é que só alguns é que não 'são' passíveis de serem infectados por este 'vírus'? Viver é correr riscos. Morreram em acidentes de trânsito 508 em Portugal no ano de 2018 e não foi por isso, que os carros conduzidos pelos bófias ao serviços dos ministros e juízes do supremo deixaram de andar a 200 nas auto-estradas deste país. Eu sei que a Lei é para ser violada, que depois lá estão os juízes para absolverem os amigos e condenarem os inimigos, mas que raio, um pouco de pensamento lógico, se calhar não faria mal a quem nos está a conduzir para esta desgraça que se avizinha, morrermos todos curados.
    Dono dos Burros | 05.04.2020 | 12.25Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Para cúmulo da nossa fraqueza o dragão ditatorial manda-nos o vírus mortífero .Como fraqueza nossa e envolvidos pelo medo vamos comprar-lhe material . No tempo do Patos transformou -se a saúde num monte de carne cortada aos bocados. Corta-se, corta-se. A saúde é um pilar essencial de um país que não pode pelo fanatismo sonegar aos portugueses aquilo de que eles precisam. Precisamos de avançar , reagir e pensarmos que o que vem da China nada nos serve. Nem a ren nem a edp merecem estar mão da china comunista.
    A maldição que nos bateu à porta | 05.04.2020 | 00.23Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Tudo isto teve uma orquestração preparada pela China ditatorial. Sabe-se que eles têm fábricas de vírus para servirem como armas biológicas. Desculpam-se agora dizendo que este vírus não partiu deles . Nem morcego,nem pangolim dá para acreditar. Ao fazerem aquilo ou algum maluco pôs aquilo em marcha ou então algo que não controlaram. É evidente que os chineses também foram atingidos , mas a ditadura é que controla números consoante os acontecimentos. Eles foram os fornecedores do material e beneficiaram dessas encomendas. Penso que já houve problemas na qualidade e no envio. Coisa conhecida. A dependência pode causar-nos dissabores . É uma armadilha que está à nossa frente. Em Portugal já temos capacidade e inteligência para fazer aquilo que nos faz falta . Há muita gente que já está a pôr mãos para dar o melhor contributo . possível.Essas pessoas valem muito,mesmo muito. Temos uma guerra invisível que transformou o país numa antecâmara de morte , luto e lágrimas. Vai originar o pior do piores no desemprego, fábricas comércio , doenças e tudo resto. Nós temos que ser a versão de nós próprios , porque nós precisamos é de nós . Só em nós é que podemos acreditar. Os portugueses em tempo difíceis foram capazes de dar a volta às situações. Agora temos que ser capazes senão não valemos nada. Este é mais um vírus cruel que veio da china ditatorial dos sorrisos traiçoeiros, mas que se transformou numa grande tragédia . A venda da edp e da ren foi o maior erro cometido pelos governantes. A seu tempo veremos as consequências disto. As nacionalizações acho que nalguns casos deviam ser precisas. O tempo não pára e para combatermos isto temos que ter muita criatividade e não nos iludirmos mais com sorrisos e promessas.
    O vírus da morte | 04.04.2020 | 17.06Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Acabei de ouvir uma entrevista na RTP 3 dada pelo GRANDE GENERAL RAMALHO EANES e que sempre muito admirei dada a sua grande HONESTIDADE. Aquilo que por aqui já disse em relação ao VIRUS, é a mesma OPINIÃO que este General tem - Este VIRUS FOI POSSIVELMENTE FABRICADO POR UM LABORATÓRIO e que possivelmente perdeu o seu "controle " . eU POR MIM NÃO ACREDITO QUE TENHA SIDO PERDA DE CONTROLO, mas propositadamente. Qual a razão porque o médico de denunciou a existência deste vírus foi preso e já morreu e a médica que depois dele falou publicamente sobre este vírus, simplesmente desapareceu ? PARA MIM ESTE VIRUS É CHINÊS, TAL COMO O TÊM SIDO MUITOS OUTROS. Ponto Final.
    bruxo | 02.04.2020 | 14.06Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • O PENTAGRAMA DE ESQUERDA- COMENTÁRIO DESTAK – -------------------------------------------------- -------------------------------------------------- ---- A estrela de cinco vértices é um símbolo do mundo antigo, usado em tradições místicas em todas as grandes religiões do Médio-Oriente (Judaísmo, Islamismo e Cristianismo) para representar a ideia herege que o sagrado é inerente à humanidade. Em Portugal os dois partidos de direita fascista de 2011 a 2015 atacaram os trabalhadores, pensionistas e aposentados nos seus legítimos rendimentos do trabalho, suspenderam quatro feriados nacionais e um Carnaval por ano, o que durante quatro anos de governação fascista significou 20 dias a mais de trabalho sem qualquer acréscimo de retribuição!. A líder do CDS-PP Assunção Cristas aprovou a Nova Lei das Rendas/Despejos que atirou para a rua centenas de famílias!. Só o "Pentagrama da Esquerda" pode salvar Portugal do fascismo renascido nesses partidos perigosos para quem vive dos rendimentos do trabalho! Esses partidos fascistas que foram muito para além da "Troica" no que respeita aos trabalhadores , pensionistas e aposentados! A "Troica" recomendou que fossem "cortadas as pontas espigadas do cabelo" e esses fascistas de direita disseram : -" Vamos muito para além da "Trioca" para os trabalhadores é máquina zero"! Os capitalistas fascistas retiraram 10 mil milhões de Euros para o estrangeiro e o Secretário de Estado Paulo Núncio encobriu esse crime de evasão de capitais e passou impune! . 25 de Abril Sempre - Fascismo Coelhismo Portismo nunca Mais!-
    RIC | 01.04.2020 | 16.53Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Estes GAJOS só falam em NACIONALIZAR quando as empresas estão em situação difícil, porque quando elas estão a ENCHER A MULA AOS CHULOS E PARASITAS são entregues a estes GAJOS !
    bruxo | 31.03.2020 | 14.02Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • NACIONALIZAR OS SUPERMERCADOS ERA UMA BOA IDEIA TODOS TÍNHAMOS QUE COMER SEM PAGAR
    Povo | 31.03.2020 | 13.05Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • A TAP só depois de nacionalizada a ANA, que é o que dá dinheiro. A EDP pelos mesmo caminho. Mas fiquem descansados os que como eu acham que deve haver nacionalizações, ele só disse: "o Estado português tem ferramentas para nacionalizar empresas e usá-las-á se achar conveniente". Das palavras aos actos vai uma grande caminho e a presença dos políticos no palco é fugaz, Cheios, piram-se. Calma que não se vai passar nada.
    Dono dos Burros | 31.03.2020 | 12.23Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE