PUBLICIDADE
Covid-19

Autoridades guineenses adiam lançamento da campanha de caju

31 | 03 | 2020   13.36H

As autoridades no poder da Guiné-Bissau decidiram adiar o lançamento da campanha de comercialização de caju, principal produto de exportação do país, por causa da pandemia do novo coronavírus, disse hoje fonte do Ministério do Comércio.

Segundo a mesma fonte, a decisão foi tomada na segunda-feira numa reunião que juntou o ministro do Comércio do Governo de Nuno Nabian, Artur Sanhá, e associações de agricultores e de intermediários e as câmaras de comércio e indústria do país.

No encontro, ficou acordado que não será anunciada a abertura da campanha de comercialização do caju, nem o preço de referência de venda do quilograma, até ao final do estado de emergência declarado no país e que vai vigorar até 11 de abril.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE