PUBLICIDADE
Covid-19

Estudo aponta doença cardiovascular como comorbilidade de maior risco de mortalidade

02 | 04 | 2020   10.39H

Um estudo de investigadores da Faculdade de Medicina de Coimbra sugere que "a doença cardiovascular é a comorbilidade que acarreta maior risco de mortalidade por covid-19, seguida da diabetes", anunciou da Universidade de Coimbra (UC).

A investigação, conduzida por Francisco Caramelo, Nuno Ferreira e Bárbara Oliveiros, visou determinar o risco de mortalidade por covid-19 ajustado à idade, género e presença de comorbilidades como diabetes, hipertensão, doença cardiovascular, respiratória ou oncológica, doenças muito prevalentes na população portuguesa, explicita a UC, numa nota enviada hoje à agência Lusa.

O trabalho foi desenvolvido em finais de fevereiro, "imediatamente após ter sido publicado um artigo do CDC [Centro de Controlo de Doenças] chinês que reportava a razão de letalidade dos casos confirmados na China até à data".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Nada disso. Ninguém morre disso, morrem do 'vírus'. Tal como no assalto (com arma aos bancos), o ladrão leva 1000 e eles aproveitam para porem os 3000 que roubaram e anunciam 4000. Sem arma, não precisam de sedar a esse trabalho, sem pela porta fora e o 'polícia' que lá está pago para os proteger, bate-lhes a pala.
    Dono dos Burros | 02.04.2020 | 11.00Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE