PUBLICIDADE
Covid-19

IATA estima que 25 milhões de empregos estejam em risco na aviação

07 | 04 | 2020   18.59H

A Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA, em inglês) estima que a pandemia de covid-19 possa colocar 25 milhões de empregos em risco, sobretudo na Ásia e na Europa, segundo um comunicado hoje divulgado.

Segundo a IATA, a queda a pique da procura por viagens aéreas poderá afetar a vida de cerca de 65,5 milhões de pessoas, que dependem da indústria da aviação, incluindo 2,7 milhões de empregos nas companhias aéreas.

"Num cenário de restrições apertadas às viagens que tenha a duração de três meses, a investigação levada a cabo pela IATA calcula que 25 milhões de empregos na aviação e setores relacionados estejam em perigo em todo o mundo", indicou a organização.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE