PUBLICIDADE
Covid-19

União IPSS de Lisboa diz que há muitas instituições ainda sem testes

07 | 04 | 2020   20.29H

Idosos e funcionários de muitas instituições de solidariedade social do distrito de Lisboa ainda não fizeram testes de despistagem à covid-19 e a falta de equipamento de proteção é dramática, alertou o presidente da União das IPSS de Lisboa.

Em declarações hoje à Lusa, o presidente da União Distrital das IPSS de Lisboa, João Carlos Batalha, relatou que a sua instituição na Azambuja, o Centro Paroquial e Social, foi contactada há cerca de uma semana pelo centro de saúde local com questões sobre o número de utentes e funcionários, mas até ao momento não tiveram qualquer outra informação: "rigorosamente nada", disse.

"O 'feedback' que tenho das instituições do distrito de Lisboa é muito semelhante: têm sido muitos os dirigentes das instituições que dizem que têm ouvido na comunicação social que os testes vão começar para Lisboa, que já ouviram isso há algum tempo. O que é verdade é que, na prática, eles ainda não receberam testes absolutamente nenhuns e também equipamentos de proteção individual a mesma coisa, não têm", relatou.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE