PUBLICIDADE
Covid-19

Pandemia criou novos problemas aos comerciantes portugueses na Venezuela

08 | 04 | 2020   05.01H

O coronavírus introduziu novos desafios aos comerciantes lusos e aos venezuelanos, que já habituados à falta de água, luz, gás e gasolina, agora passam mais tempo em família, têm mais cuidados com a higienes e compram em maior quantidade.

"Estamos tratando de sobreviver. Não sabemos quando isto terminará. Tratando de manter-nos seguros. Mudou tudo, porque o nosso estilo de vida mudou desde há um mês", explicou à Agência Lusa António da Silva, 58 anos.

Natural do Estreito de Câmara de Lobos, Madeira, António da Silva está radicado em Caracas, na Venezuela, desde há 42 anos, onde é sócio do Supermercado Maturín.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE