PUBLICIDADE
Líbia

ONU denuncia 17 ataques desde janeiro contra hospitais em Tripoli

15 | 05 | 2020   13.51H

Pelo menos 17 ataques foram registados desde janeiro contra estabelecimentos hospitalares na capital da Líbia, Tripoli, e arredores, onde há mais de um ano decorrem combates entre forças rivais, indicou hoje a missão da ONU na Líbia (Manul).

Em abril de 2019, o marechal Khalifa Haftar, o homem forte do leste líbio, desencadeou uma ofensiva em direção à capital onde se encontra sediado o Governo de Acordo Nacional (GAN), reconhecido pela ONU.

Os dois campos disputam o poder no país petrolífero, em situação de caos desde o derrube do regime de Muammar Kadhafi em 2011, na sequência de uma revolta interna e de uma decisiva intervenção militar da NATO.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE