PUBLICIDADE
Actualidade

Investigadores australianos conseguiram velocidade de Internet mais rápida do mundo

22 | 05 | 2020   10.00H

Investigadores das universidades de Monash, Swinburne e do Royal Melbourne Institute of Technology (RMIT), na Austrália, conseguiram a maior velocidade de dados da internet registada até agora a partir de um único chip ótico.

A equipa, liderada por Bill Corcoran, Arnan Mitchell e David Moss, conseguiu atingir uma velocidade de 44,2 terabits por segundo (Tbps) a partir de uma única fonte de luz. Uma tecnologia que tem capacidade para suportar milhares de milhões de conexões simultâneas de internet de alta velocidade.

Os investigadores divulgaram que atingiram essas velocidades usando a infraestrutura de comunicações existente usando um novo dispositivo que substitui 80 lasers por um único equipamento conhecido como 'micro-pente', menor e mais leve que o hardware de telecomunicações existente.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE