PUBLICIDADE
Covid-19

Construtora Gabriel Couto prevê retomar trabalhos em Angola e Moçambique

27 | 05 | 2020   07.22H

A construtora portuguesa Gabriel Couto está a rever a sua estratégia por causa da pandemia, que afetou sobretudo a área internacional, mas já tem garantias de para recomeçar as obras em Angola e Moçambique dentro de semanas.

A estratégia está "com certeza a ser revista" porque "a pandemia trouxe impactos diversos", afirmou o administrador da empresa Tiago Couto em entrevista à Lusa, admitindo redução de custos, mas sem quantificar nem especificar em que áreas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE