PUBLICIDADE
Actualidade

Justiça ordena que deputados brasileiros suspeitos de corrupção reassumam mandatos

28 | 05 | 2020   03.59H

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro determinou na quarta-feira o regresso ao exercício parlamentar de cinco deputados estaduais afastados por suspeitas de envolvimento em casos de corrupção, numa operação da Polícia Federal brasileira.

A justiça determinou que o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano, cumpra a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) e coloque em exercício político os deputados estaduais impedidos de assumir os cargos em 2018, após terem sido presos preventivamente numa operação policial anticorrupção, num caso que ainda não foi a julgamento.

Denominada "Operação Furna da Onça", em referência a uma sala de reuniões localizada ao lado do plenário da Alerj, a operação investigava um alegado esquema de suborno e distribuição de cargos públicos em órgãos da administração estadual, que teria beneficiado os parlamentares, permitindo-lhes alocar mão-de-obra comissionada ou contratar terceiros.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE