PUBLICIDADE
Covid-19

Pandemia afeta receitas, atividades e dia-a-dia de associações da região Centro

28 | 05 | 2020   08.17H

Associações e coletividades da região Centro estimam perdas de receitas e problemas na sua atividade atual e futura, devido à pandemia de covid-19, que resultou no cancelamento de festividades e celebrações previstas.

Na cidade da Guarda, o Centro Social da Póvoa do Mileu, sobrevive com os subsídios atribuídos pela Câmara Municipal e com as receitas das atuações do Grupo de Cavaquinhos, obtidas com a participação na iniciativa "Santos do Bairro" (que inclui marchas populares e tasquinhas) e que este ano foi cancelada.

"Não entra dinheiro [na associação] desde fevereiro. Tínhamos atuações do Grupo de Cavaquinhos em março e abril e não se realizaram. As marcações foram todas canceladas. Costumávamos ter os meses de agosto e de setembro muito preenchidos, mas acredito que este ano não vamos ter saídas, porque as festas populares não se vão fazer", disse à agência Lusa Rosa Caramelo, da direção do Centro Social da Póvoa do Mileu.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE