PUBLICIDADE
Covid-19

Encomendas ao cliente final "cresceram gigantescamente"-- João Bento

28 | 05 | 2020   20.03H

O presidente executivo dos CTT, João Bento, disse hoje que as encomendas para o cliente final "cresceram gigantescamente" durante o confinamento, mas que isso não chegou para colmatar a queda em outros segmentos. 

Durante um 'webinar' organizado pelo ISCTE Executive Education, no âmbito do ciclo Real-Life Flash Talks, o gestor, sem dar números, indicou que a pandemia teve um "impacto muito positivo em volume", no que diz respeito do segmento 'B2C', ou seja da empresa que produz ou vende os produtos para os clientes finais.

"Estamos com valores de encomendas acima do Natal passado ou da 'Black Friday'", indicou, alertando no entanto que o custo unitário de uma entrega 'B2C' é maior que 'B2B', ou seja de empresa para empresa. "Distribuir 100 encomendas num centro comercial tem um custo, mas ir a 100 casas é mais caro", realçou.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE