PUBLICIDADE
Actualidade

Insolvência da Cervejaria Galiza motiva pedido de reunião de sindicato ao Governo

05 | 06 | 2020   20.18H

O Sindicato de Hotelaria do Norte solicitou uma reunião ao Ministério do Trabalho para tentar a viabilização da Cervejaria Galiza, sobre quem hoje o Tribunal de Comércio de Vila Nova de Gaia declarou insolvência.

Segundo a sentença, com data de quinta-feira e a que a agência Lusa teve hoje acesso, o juiz Sá Couto, do Juízo de Comércio de Vila Nova de Gaia, declara "em estado de insolvência" a Sociedade Atividades Hoteleiras Galiza Portuense, proprietária da Cervejaria Galiza, na sequência do requerimento apresentado pela Sociedade Real Sabor, de Vila Nova de Gaia, no qual reclama 11.951 euros, havendo 30 dias para a reclamação de créditos.

Em comunicado enviado à agência Lusa, o sindicato reitera que o "restaurante é viável", que "mesmo em tempos de pandemia aguentou-se [período em que funcionou na versão take-away]" e que os trabalhadores "exigem a sua viabilização e a manutenção de todos os postos de trabalho".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE