PUBLICIDADE
Migrações

Malta permite desembarque de migrantes que estavam amontoados num navio

08 | 07 | 2020   09.21H

Malta permitiu na madrugada de hoje o desembarque de 52 migrantes resgatados pelo cargueiro Talia no Mediterrâneo central, após estas pessoas terem passado quase quatro dias amontoados noutro navio em condições insalubres.

Os migrantes foram transferidos do navio de transporte de animais que os salvou do mar para um navio das forças armadas de Malta e depois levados para o continente, informaram várias organizações humanitárias que operam na área.

O navio, que acabara de entregar gado na Líbia, deslocava-se para a Espanha, mas na sexta-feira, após receber um aviso de que havia um barco à deriva com 52 pessoas, mudou de rumo para os resgatar.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE