PUBLICIDADE
Venezuela

Eurodeputados pedem medidas que evitem agravamento da crise humanitária

10 | 07 | 2020   09.38H

O Parlamento Europeu (PE) apelou hoje à adoção de medidas para evitar o agravamento da crise humanitária e de saúde pública na Venezuela e à realização de eleições livres e credíveis.

Numa resolução aprovada com 487 votos a favor, 119 contra e 79 abstenções, o PE refere que "a já terrível crise humanitária, política, económica, institucional, social e multidimensional na Venezuela piorou significativamente e se agravou durante a pandemia" da covid-19.

Os eurodeputados instam à adoção de medidas urgentes para evitar o agravamento da crise humanitária e de saúde pública, pedindo também à comunidade internacional que encontre "soluções inovadoras para desbloquear outros recursos financeiros possíveis" para ajudar o povo venezuelano a fazer face às suas necessidades de emergência.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE