PUBLICIDADE
Incêndios

PCP ataca "anúncios" e "propaganda" do Governo e pede mais meios

11 | 07 | 2020   12.45H

O PCP atacou hoje os "anúncios" e a "propaganda" do Governo socialista sobre o combate aos incêndios florestais, responsabilizando-o pelos problemas que "se mantêm, quando não se agravaram" e pediu mais meios.

"Depois de tantos anúncios e tanta propaganda, os problemas mantêm-se, quando não se agravaram. Este é o tempo de atuar em meios de prevenção e vigilância que assegurem respostas imediatas", afirmou João Frazão, membro da comissão política do PCP, numa declaração através das redes sociais.

Este é o tempo de defender "os pequenos e médios produtores florestais, cumprindo a Lei de Bases da Floresta e a Lei da Defesa da Floresta contra Incêndios, assumindo uma outra política", dado que a os incêndios ameaçam as suas explorações, defendeu o dirigente comunista.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE