PUBLICIDADE
Covid-19

Dúvidas e inseguranças travam viagens a casa de portugueses a viver na Alemanha

12 | 07 | 2020   12.06H

As dúvidas e a incerteza sobre a evolução da pandemia de covid-19 já levaram muitos portugueses a viver na Alemanha a cancelar as viagens, de carro ou avião, para visitar a família este verão.

A decisão não é fácil, assume José Loureiro, um dos conselheiros das Comunidades portuguesas eleito pelo círculo de Estugarda. A mãe, com 87 anos, e a irmã, quase com 60, esperam-no, como cada ano, em Portugal, mas o medo e a incerteza podem condicionar a viagem.

"Tenho este mês para resolver, com a minha família, se vamos ou não. Estou preocupado principalmente por causa dos aeroportos", confessou, em declarações à agência Lusa, assumindo que as dúvidas são transversais aos portugueses com quem tem contacto.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Fazem muito bem. É na Alemanha que o ganham e é lá que pagam os impostos, é aí que devem ficar. Quanto à segurança em Portugal, se acham que podem esperar 6 horas numa urgência com uma dor e morrer sem assistência, façam favor então. Senão se importam de andarem entre mascarados num país em que se morre de tuberculose e de SIDA e em que as crianças já não são vacinadas contra a tuberculose, façam favor então. Em Portugal já não se tratam doentes, estamos mais avançados, nem o vosso Adolfo chegou a este estado de progresso, aqui os doentes não são enviados para o lazareto, são-o para a prisão. Enquanto a mascarada continuar, é de evitar enviar dinheiro e visitar Portugal, os parentes que vão à Alemanha deixar os euros-portugueses.
    Dono dos Burros | 12.07.2020 | 12.46Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE