PUBLICIDADE
Actualidade

Associação critica gestão do património em Macau após reunião com Instituto Cultural

15 | 07 | 2020   15.04H

O Grupo para a Salvaguarda do Farol da Guia criticou a gestão do património histórico em Macau, que integra vários edifícios históricos construídos por portugueses, após a reunião de hoje com responsáveis do Instituto Cultural.

Numa publicação na rede social Facebook, a associação defendeu a conclusão do Plano de Salvaguarda e Gestão do Centro Histórico, que deveria ter sido finalizado em fevereiro de 2015, e uma das exigência da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO).

Na mesma publicação no Facebook, o grupo sustenta que "a integridade visual e as principais linhas de visão do Farol da Guia devem ser protegidas e medidas decisivas devem ser tomadas para reduzir a altura de edifícios inacabados, edifícios em construção e edifícios a serem construídos adjacentes".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE