PUBLICIDADE
Covid-19

PSP e GNR registaram 421 contraordenações desde entrada em vigor do novo regime

15 | 07 | 2020   18.52H

A PSP e a GNR registaram 421 contraordenações desde a entrada em vigor do novo regime no âmbito da pandemia de covid-19, sendo que cerca de metade foi por consumo de bebidas alcoólicas na rua, foi hoje anunciado.

Dados enviados pelo Ministério da Administração Interna (MAI) à agência Lusa indicam que desde a entrada em vigor do regime de contraordenações aplicável ao incumprimento dos deveres estabelecidos por declaração da situação de alerta, contingência ou calamidade devido à covid-19, a 27 de junho, e até à passada terça-feira, a PSP e a GNR registaram 421 autos.

Das 421 contraordenações, 159 dizem respeito a infrações cometidas nas 19 freguesias da Área Metropolitana de Lisboa (AML) que estão em situação de calamidade e 59 nas restantes zonas da AML que estão em situação de contingência e que têm regras específicas, precisam os dados.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Corja de gatunos. Sempre tem que haver qualquer coisa com que estes ladrões tenham que marrar, ou é o tipo que tem o cão, ou é o tipo que não tem o cão. Pagamos salários principescos para aquilo que eles fazem. Têm cadeias privativas, para não terem que ir bater com os costados junto dos que eles andaram a lixar (alguns foram presos, porque estes sacanas lhes colocaram drogas nos carros e nas casas que assaltaram de marreta em punho, eles lá colocaram droga, não havia, passou a haver) Têm um sistema de saúde diferente, que é negado aos demais trabalhadores. Consumir álcool na rua deve ser nas esplanadas, que não lhes pagam a avença. Filhos de uma refinadíssima ++++. Os roubos nos bancos e nas grandes empresas do PSI-20 continuam, mas isso não é com eles, esses não são POVO, e estes f de uma p só mordem no POVO.
    Dono dos Burros | 15.07.2020 | 19.31Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE