PUBLICIDADE
Covid-19

Rio concorda com PM que resposta à pandemia "não é momento" para avaliar democraticidade na UE

16 | 07 | 2020   15.06H

O presidente do PSD disse hoje concordar com o primeiro-ministro de que a resposta da União Europeia à covid-19 "não é o momento" para avaliar o nível de democraticidade dos Estados membros, remetendo essa análise para os fundos estruturais.

No final de um encontro com o Conselho Nacional de Juventude, Rui Rio foi questionado sobre a posição manifestada na terça-feira por António Costa, após uma reunião com o seu homólogo húngaro, Viktor Orbán, em Budapeste, de que a questão do Estado de direito, embora "central" para Portugal, não deve ser relacionada com as negociações sobre o plano de recuperação.

"Se estivermos a falar de fundos estruturais da União Europeia, os quadros comunitários de apoio, estamos a olhar para países que são membros da União Europeia e nesse sentido devemos avaliar o nível de democraticidade interna para pertencer à UE e por essa via receber os fundos estruturais", disse Rui Rio.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE