PUBLICIDADE
Covid-19

NAV sem fontes de receita desde fevereiro e pelo menos até novembro

16 | 07 | 2020   16.53H

O Conselho de Administração da NAV Portugal assegurou hoje que a empresa não tem qualquer fonte de receitas desde fevereiro, altura em que as companhias aéreas deixaram de pagar taxas, situação que se deve prolongar, pelo menos, até novembro.

"Neste momento, a NAV Portugal não tem uma única fonte de receita. A fonte de receita da NAV Portugal são as taxas que as companhias pagam. As companhias deixaram de pagar em fevereiro deste ano e, portanto, desde fevereiro que não entra um único euro na sua tesouraria por força desta circunstância e não vai entrar até novembro deste ano, que será a primeira vez que as companhias, teoricamente, começarão a pagar essas taxas", afirmou o presidente do Conselho de Administração da NAV, numa audição parlamentar na comissão de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território.

As companhias aéreas praticamente paralisaram a sua atividade a partir de março devido ao confinamento para travar a pandemia de covid-19.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • ESTAVAM MAL HABITUADOS DINHEIRO FÁCIL JÁ REDUZIRAM OS VENCIMENTOS ISSO NÃO FECHEM A LOJA NÃO HÁ UMA SOLUÇÃO
    POVO | 16.07.2020 | 17.06Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE