PUBLICIDADE
Actualidade

Global Media não vai recorrer a apoios que sucedem ao 'lay-off' por não compensarem custos

30 | 07 | 2020   18.36H

A Global Media não vai recorrer às medidas de apoio que sucedem ao regime de 'lay-off' simplificado, por considerar que não compensam os custos, e admite que a reposição de rendimentos traz "grandes desafios" à empresa.

Numa nota da direção de recursos humanos da dona do Diário de Notícias (DN), Jornal de Notícias (JN) e TSF, entre outros, a que a Lusa teve hoje acesso, "apesar da situação do mercado se manter extremamente adversa e serem grandes as dificuldades de operação, com evidentes consequências na situação económica financeira da empresa", o grupo não vai recorrer a medidas que sucedem ao regime de 'lay-off'.

Os trabalhadores da Global Media Group estavam em 'lay-off' simplificado desde meados de abril, regime que termina na sexta-feira, dia 31 de julho.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE