PUBLICIDADE
Actualidade

Violência xenófoba contra moçambicanos faz um morto no leste de Joanesburgo

03 | 08 | 2020   14.54H

Um imigrante moçambicano morreu e pelo menos 18 pessoas também de nacionalidade moçambicana ficaram desalojadas por alegada violência xenófoba em Tokoza, leste de Joanesburgo, disse hoje à Lusa uma das vítimas.

"Houve um moçambicano que foi morto, queimaram tudo o que tinha, e levaram tudo, todos os moçambicanos ficaram sem nada", relatou, em declarações à Lusa, o imigrante moçambicano David Machava.

"Ele morreu anteontem [sábado], quando eles entraram aí a bater em Tokoza Pola Park", adiantou.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE