PUBLICIDADE
Actualidade

FMI enaltece acordo de restruturação da dívida da Argentina

04 | 08 | 2020   20.27H

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, enalteceu hoje o acordo entre a Argentina e os principais credores para reestruturar a dívida de 66.238 milhões de dólares, que mantém o país em 'default' desde 22 de abril.

"Parabéns ao Presidente [da Argentina], Alberto Fernández, e ao ministro [da Economia], Martín Guzmán, e aos principais credores argentinos por chegarem a um acordo de princípio sobre a dívida do país. É um passo muito significativo", afirmou Georgieva, numa mensagem publicada na rede social Twitter.

A líder do FMI desejou ainda uma "conclusão bem sucedida" a um processo que envolve o país sul-americano e três grupos de credores privados - o Grupo Ad Hoc de Credores Argentinos, o Comité de Credores da Argentina e o Grupo de Credores.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE