PUBLICIDADE
Actualidade

CDS saúda veto à redução de debates europeus mas decisão foi "sobremesa sem refeição"

10 | 08 | 2020   22.59H

O CDS-PP disse hoje que o veto presidencial ao diploma que prevê a redução do número de debates em plenário sobre o processo europeu foi uma "decisão no sentido correto", mas considerou ser uma "sobremesa sem refeição".

"Só podemos constatar que esta decisão é uma decisão que tem fundamento e é uma decisão no sentido correto", afirou à agência Lusa o líder da bancada parlamentar centrista, Telmo Correia.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vetou hoje a redução do número de debates em plenário para o acompanhamento do processo de construção europeia de seis para dois por ano, defendendo que não foi uma "solução feliz". 

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE