PUBLICIDADE
Moçambique/Ataques

Especialistas defendem intervenção urgente da SADC e União Africana

13 | 08 | 2020   16.07H

Especialistas do Instituto de Estudos de Segurança (ISS), da África do Sul, defenderam hoje uma intervenção "urgente" da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral e da União Africana para travar a insurreição na província moçambicana de Cabo Delgado.

"A Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) e a União Africana (UA) deveriam ajudar urgentemente Moçambique a travar a insurreição violenta na província de Cabo Delgado e levar ajuda a milhares de pessoas em extrema necessidade", defendeu hoje o ISS, num artigo assinado pelos investigadores Liesl Louw-Vaudran e Martin Ewi.

Os líderes da SADC reúnem-se para a sua 40.ª cimeira anual, na segunda-feira, altura em que a Tanzânia entregará a presidência rotativa da organização a Moçambique.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE