PUBLICIDADE
Moçambique/Ataques

"Estado moçambicano ainda continua forte para combater o terrorismo" -- Governo

13 | 08 | 2020   20.26H

O ministro da Defesa de Moçambique disse hoje que o país continua forte para combater o terrorismo em Cabo Delgado, quando questionado pela Lusa sobre a existência de mercenários no combate aos insurgentes naquela província do norte de Moçambique.

"O Estado moçambicano ainda continua forte para combater o terrorismo em Moçambique. Neste momento o apoio que o Estado moçambicano solicitou é a vigilância nas fronteiras para não deixar entrar bandidos no nosso território", respondeu Jaime Neto, sem avançar detalhes sobre o apoio pedido pelo país.

Vários segmentos da sociedade, incluindo o principal partido da oposição (Renamo), têm criticado um alegado envolvimento de mercenários no combate aos insurgentes que, desde outubro de 2017, têm protagonizado ataques armados em Cabo Delgado, incursões que já provocaram a morte de, pelo menos, 1.059 pessoas em distritos mais a norte da província.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE