PUBLICIDADE
Fake News

Comissão Europeia em campanha contra teorias da conspiração na Internet

14 | 08 | 2020   12.51H

A Comissão Europeia iniciou uma campanha conjunta com a UNESCO e a rede social Twitter para consciencializar os cidadãos para os perigos das teorias da conspiração divulgadas 'online', sobretudo no atual contexto de crise, propício à desinformação.

Como parte desta iniciativa, na qual participa também o Congresso Mundial Judaico, a Comissão publica a partir de hoje uma série de infografias no seu sítio de Internet, na página dedicada à desinformação, com o objetivo de ajudar os cidadãos a identificar as teorias da conspiração e a contrariá-las com factos.

O executivo comunitário aponta que, tal como já alertara na sua comunicação sobre as 'fake news' (desinformação) adotada em junho, o contexto atual da crise da pandemia da covid-19 representa "um terreno particularmente fértil para as teorias da conspiração, que minam a ciência e os factos com explicações perniciosas e rebuscadas sobre a origem do vírus e os culpados pela sua propagação".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

4 comentários

  • Os sionistas que não estivessem metidos no assunto. A única campanha de desinformação é a que é manipulada pelos anglo-sionistas. O resto é treta, Baeta! Fakes-news, é começar por desmantelar a União 'soviética' Europeia (tem a mesma legitimidade, transparência e reprentatividade que o Politburo da URSS). Vão-se +++!
    Dono dos Burros | 15.08.2020 | 21.24Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • "identificar as teorias da conspiração e a contrariá-las com factos"? Pois sim... nada acontece por acaso... e não há coincidências... e... nos últimos tempos temos visto muitos factos com muitas coincidências... porquê? É natural que surja uma teoria para esclarecer os porquês. É teoria da conspiração ou teoria da explicação? "Eles" querem fazer as coisas do jeito "deles" e querem que se fique calados.
    anónimo | 15.08.2020 | 20.21Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • A verdade existe?Há processos sigilosos em arquivos estatais que nunca verâo a luz do dia embora alguns sejam divulgados passados 50 anos e se nâo causarem danos nacionais ou internacionais.Esta campanha nâo srá altamente PERIGOSA quando assenta em organizaçôes que parecem estar em declinio ou em contraponto com a maioria das naçôes/POVO.Basta ainda hoje rever as teorias sobre origem da GRIPE ESPANHOLA e PESTEBUBÒNICA entre 1917 e 1922 para perceber que os factos reais estâo ainda eventualmente no segredo dos DEUSES.A hiperrregulaçâo autoritária levou ao BREXIT esta e outras medidas levarâo ao desaparecimento da EU e EMPRESAS.Todos querem controlar o ZÈ mas parece que este é que VOTA nas URNAS .O rolo compressor desgasta e aí vem o descontentamento.
    Pitágoras | 14.08.2020 | 13.59Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Mais e mais censura .Melhor criar manual do que se pode escrever,apresentar.O escrutinuo individual nâo chega ,somos todos BURROS e os patrôes das redes já censuram e eliminam informaço q consideram inapropriada?Quem os elegeu?A LEI MUNDIAL existe?Se os orgaos de informaçâo apresentarem factos verdadeiros nâo sendo tendenciosos fica o problema resolvido.Quem tem medo das redes?Quem tem medo das conversas de café ou similares?Chegará ao cumulo de ter que haver um censurista em cada reuniâo ou comicio?Enfim o que alguns inventam para terem controlo e propagandear cartilha ou cartilhas contra o ideário do Povo.Povo esclavagisado e mudo?cabe a cada um a escolha, o que se está a fazer parece um atentado á liberdade de expressâo POPULAR.
    Marques | 14.08.2020 | 13.46Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE