PUBLICIDADE
Actualidade

PR timorense diz que manteve Governo em funções para lidar com "sérios desafios" do país

15 | 09 | 2020   04.01H

O Presidente timorense disse hoje que foi necessário "manter o VIII Governo em funções" para poder responder aos "impactos adversos" e aos "sérios desafios" que o país enfrentou este ano, incluindo a pandemia da covid-19.

"Para garantir a estabilidade do país (...), não podia adotar outra posição que não fosse manter o VIII Governo em funções. O primeiro-ministro aceitou a decisão do Presidente da República com sentido de missão e consciência do dever retirando o seu pedido de demissão", afirmou Francisco Guterres Lu-Olo, no Parlamento Nacional.

"Era necessário, numa altura como essa, ter um Governo para gerir os impactos adversos provocados pela covid-19. O movimento de vários partidos (...) criou uma maioria estável, e permitiu aquilo que foi sempre a minha posição: de que o Governo deveria cumprir o seu mandato por inteiro. A situação social e económica do país assim o exigiram", sustentou.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE