PUBLICIDADE
Actualidade

Oposição da Costa do Marfim contesta validação de candidatura de Ouattara

15 | 09 | 2020   14.20H

A oposição da Costa do Marfim contestou hoje a decisão do Conselho Constitucional, que validou a controversa candidatura do Presidente, Alassane Ouattara, a um terceiro mandato e rejeitou 40 dos 44 candidatos às eleições de outubro.

De acordo com a lista final de candidatos às eleições presidenciais de 31 de outubro na Costa do Marfim, divulgada na segunda-feira pelo Conselho Constitucional, entre os 40 candidatos rejeitados estão o ex-chefe de Estado Laurent Gbagbo e o antigo líder rebelde e ex-primeiro-ministro Guillaume Soro.

Eleito em 2010 e reeleito em 2015, Ouattara tinha inicialmente anunciado em março a sua decisão de desistir de concorrer a um terceiro mandato. Mudou de ideias em agosto, após a morte súbita do então primeiro-ministro e candidato presidencial do partido no poder, Amadou Gon Coulibaly.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE