PUBLICIDADE
OMT

Países pedem harmonização de práticas e procedimentos nas viagens

16 | 09 | 2020   19.47H

A necessidade de os países se coordenarem para harmonizarem práticas e procedimentos nas viagens é uma das prioridades sinalizadas na Declaração de Tbilisi, ratificada por unanimidade no 112.º Conselho Executivo da Organização Mundial do Turismo.

"A coordenação e a cooperação a nível internacional no sentido de haver uma maior harmonização das práticas e dos procedimentos que promovam viagens seguras é e foi uma das preocupações sinalizadas no decorrer dos trabalhos", disse a secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, à Lusa, precisando que esta preocupação das delegações presentes no evento "consta da Declaração de Tbilissi".

O 112.º Conselho Executivo da Organização Mundial do Turismo das Nações Unidas (UNWTO), que se começou hoje na capital da Geórgia, é a primeira reunião presencial realizada pela organização desde o surto da pandemia, e tem como objetivo enviar uma mensagem de confiança para recuperar o turismo, cujas perdas são oito vezes maiores do que as da crise de 2008.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE