PUBLICIDADE
Covid-19

Bélgica recoloca Lisboa no "vermelho" mas alivia medidas

23 | 09 | 2020   17.08H

As autoridades belgas aliviaram hoje ligeiramente as medidas restritivas no quadro da pandemia da covid-19, apesar do aumento do número de casos, e recolocaram a área metropolitana de Lisboa e a região centro de Portugal no "vermelho".

Entre as alterações às medidas hoje adotadas pelas autoridades belgas após uma reunião do Conselho Nacional de Segurança conta-se o fim da interdição de viagens desde as "zonas vermelhas" - classificadas como de alto risco de contágio -, que é substituída por uma recomendação a "desaconselhar fortemente" esses destinos, acompanhada de uma 'quarentena' de sete dias, com um teste ao quinto.

Com a reinclusão da área metropolitana de Lisboa e da região centro na [nova] "lista vermelha", que entrará em vigor já na sexta-feira, 25 de setembro, quem chegue a território belga oriundo destas regiões - e tencione permanecer mais de 48 horas -, terá de realizar um teste de despistagem e submeter-se a quarentena.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE