PUBLICIDADE
Migrações

França pede a Itália para acolher navio humanitário Alan Kurdi

23 | 09 | 2020   18.53H

Paris pediu hoje a Roma para deixar atracar o navio humanitário Alan Kurdi, em rota para Marselha (sul de França), para desembarcar os 125 migrantes socorridos no mar Mediterrâneo, indicou o Ministério do Interior francês.

"Temos ido sempre ao encontro da solidariedade com a Itália nos últimos dois anos. Trazemos para o seu lado um mecanismo de solidariedade para a gestão dos desembarques. Por isso, pedimos que [Roma] responda favoravelmente ao pedido feito pela ONG [organização não-governamental] para atracar no porto seguro mais próximo", sublinhou a mesma fonte.

O barco, na ONG alemã Sea-Eye, com 125 migrantes a bordo, "deve ser acolhido no porto seguro mais próximo", insistiu, mais tarde, o porta-voz do Governo francês, Gabriel Attal, deixando entender que a França declinou implicitamente a possibilidade de o navio atracar em Marselha.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE